sexta-feira, 27 de julho de 2012

(Resenha) O Imortal - A Saga de Um Guerreiro - Vanessa Orgélio


Sinopse: Maxwell é um jovem que vê sua vida mudar dramaticamente após a morte da mãe quando uma misteriosa mulher adota-o como filho. Ele passa de um simples camponês à um respeitado Cavaleiro da ordem do Dragão Dourado e quando finalmente acredita ter encontrado o motivo de sua existência, descobre que tudo que ele não acreditava era real e que ele tem um papel importante e fundamental de proteger as pessoas que ele ama. Infelizmente o destino lhe impõe difíceis tarefas fazendo-o afastar-se de tudo o que ele mais amava e desejava proteger.


Em "O Imortal - A Saga de um Guerreiro" Você vai mergulhar num mundo de amor e mistério, fantasia e realidade, sofrimento e compaixão seguindo as lembranças de Maxwell na tentativa de cumprir seu destino. 


Resenha: 


No mês de Janeiro fiz um post falando sobre sagas. Que hoje em dia as pessoas não sabem o significado da palavra.


Quando escolhi o livro da autora Vanessa Orgélio, me deparei novamente com a palavra. Então fiquei pensando: "Será que ele faz jus a ser chamado de Saga?"


Li o livro e digo... Sim! Ele merece o título.


"O Imortal" conta a história de Maxwell, um homem de origens simples que se torna um honrado cavaleiro.
Max (Como gosta de ser chamado) perde a mãe biológica aos 5 nos de idade e por não possuir pai, ele é adotado por uma mulher chamada Luna, uma grande amiga de sua mãe.


Max é quase uma criança comum, exceto por uma marca de nascença em forma de dragão, que quando exposta causa dor  e atraí o perigo.


A pedido da mãe adotiva, Max começa a treinar para se tornar cavaleiro. Ele passa a ser treinado por Sir Valleck, um respeitado cavaleiro. Durante o treinamento, Max faz amizade com os filhos de Sir Valleck: Edmond e Rose.


Após mais de 10 anos de treinamento, Max se torna Cavaleiro da Ordem do Dragão Dourado e passa a servir o Rei Pietro. Então numa noite, após um trágico incidente no castelo, Max descobre a verdade sobre sua marca, sua origem e sua mãe adotiva.


Luna é uma fada exilada no mundo dos homens, com a missão de destruir um elfo maligno chamado Morfeu.
Morfeu é uma espécie de Sauron. O cara não morre e seu espirito está preso na espada que foi usada para destruí-lo.


Luna foge de seu mundo com a espada e a passa para um homem comum chamado Viccthor. Ao se tornar dono da espada, Viccthor se torna imortal e corrompido pelo espirito maligno de Morfeu. Isso me lembrou o Gollun.


Após muitas décadas espalhando o terror, Viccthor se apaixona por Hannah, uma camponesa. Mas por influencia de terceiros, ele a abandona. O que ele não sabia é que Hannah estava grávida e que a criança foi predestinada a matá-lo.

A criança escolhida possui uma marca em forma de dragão, sim! Maxwell deve matar o próprio pai para acabar com Morfeu.

Acho que já deu pra ver que o livro tem uma trama cheia de surpresas e é isso que o faz uma saga.
Eu ri, chorei, senti raiva, chorei mais um pouco e no final meu queixo caiu.

Gostaria de escrever mais coisas sobre ele, mas ficaria repetitivo e também poderia soltar algum spoiler.

O Imortal é literatura fantástica de primeira e além disso é de uma autora nacional.
Recomendo!

Onde Comprar: Bem, eu comprei direto com a autora: Email: vanessaorgelio@gmail.com




2 comentários:

  1. Adorei a sua resenha e o livro é bem interessante. Gostei da sinopse e da capa e quem sabe eu não o compre.

    ResponderExcluir
  2. Ai que lindooooooo! Adoreeeeei a resenha flor! Obrigado!

    ResponderExcluir