quarta-feira, 23 de novembro de 2011

(Resenha) A Insígnia de Claymor


Sinopse:

Europa, Idade Média



Jehanie Claymor é uma jovem Lady que cresceu protegida pelo amor incestuoso do irmão Alexei. Sem conhecer os perigos e maldades da época, ela foi mimada e amada ao extremo. Mas, em uma viagem em que abandona o castelo de seu pai para ir de encontro ao seu noivo Garreth, vê todas as suas ilusões românticas chegando ao fim.


Sir Daniel Trent só busca vingança. Sua irmã mais jovem foi seduzida pelo cavaleiro Alexei Claymor, e abandonada por ele após engravidar. Sem esperança, a jovem matou-se, deixando Trent com a incumbência de limpar sua honra. No entanto, seu destino muda completamente ao encontrar uma jovem que perdeu a memória.


...E assim, sem saber, ele acaba se apaixonando pela irmã de seu maior inimigo...

Antes da resenha algumas considerações.

Sempre que faço uma resenha sobre um livro acabo levando puxões de orelha das leitoras mais apaixonadas pela história ou por um personagem.
Muitas das nossas opiniões vem das nossas experiências de vida e ensinamentos que recebemos dos nossos pais.
Quando tinha 15 anos aprendi três coisinhas com a minha mãe.
1- O amor é um sentimento nobre e bom, mas se levado ao extremo se torna perigoso.
2- Se você um dia sofrer algum tipo de violência ou for alguém que você ama, não adianta se vingar, torturar ou fazer justiça com as próprias mãos, porque no final você se sentirá igual. Matar o criminoso não vai trazer de volta quem você ama, pelo contrário, você estará se igualando ao bandido.
3- Existe o mal necessário. Quando por exemplo, você mata por legítima defesa. Não quer dizer que é certo, e acredite, você não vai se sentir melhor, porque matou alguém.

Agora a resenha:
Adorei o livro. Ele prende a sua atenção da primeira página a última. E conforme o tempo passa, você vai admirando ou odiando alguns personagens.
Eu adorei a Jehanie, Richard e Adam.
Normalmente eu odeio as mocinhas dos livros, mas não as da Josy. Elas têm personalidade e carisma.
Vejo que muita gente se derrete pelo Alexei, mas eu adorei o Richard. Ele tem defeitos, mas na medida certa.
Adam... Bem, um padre ateu é demais.
Agora vou falar do caroço da azeitona: Alexei.
Sei que tem um monte de leitoras que amam o cara. Não estou dizendo que elas são loucas e que precisam de remédios por gostar do cara, afinal cada um tem seu gosto e ninguém pode meter o pau.
Mas EU não gostei do cara.
Admito, ele é um vilão incrível, mas não entendo o porquê a mulherada ama tanto o cidadão.
Não acho o amor que ele sente pela irmã bonitinho, lindo, gracioso. É um amor doentio.
Ele é louco e não é porque ele quer comer a irmã (desculpa!). Ele leva o amor ao extremo, tanto que vira doença. Sim, doença.
Se você ama alguém de verdade o que você mais quer é ver essa pessoa feliz, mesmo que não seja ao seu lado.
O problema é que o Alexei não tem bom sendo. Ele quer que todas o amem e fiquem ao seus pés.
Enfim, Alexei é o vilão número um da história. Agora vamos ao "vilão" número dois: Daniel.
Alexei é mau? Sim. Não vale o que come? Sim. Merece sofrer? Sim. Mas ele seduz as mulheres por esporte. Uma espécie de hobby. É errado? Sim. Mas ele não faz por vingança, já o Daniel...
Ele passa o livro em conflito. Me vingo ou não? E o pior, ele quer fazer a mesma coisa que fizeram com a irmã dele.
Já quase no final do livro ele descobre a verdade sobre a Jehanie, mas ao invés de esquecer, não, ele se vinga. O que o torna pior que o vilão número um: Alexei não amava Rianna, já Daniel ama a Jehanie, mas o desejo de vingança é tão forte, que ele não consegue tomar a atitude certa.

Em resumo: Adorei! Adorei!
A Insígnia de Claymor é uma história envolvente cheia de... Polêmica, mas a Josy consegue dar o tempero necessário para a história não ficar um tédio.
Parabéns!
Agora quero ler a continuação. Quero ver se o Alexei vai sofrer nas mãos da Claire ou vai ser o contrário.

Onde comprar: http://www.clubedeautores.com.br/book/34152--A_Insignia_de_Claymor
Blog da Autora: http://www.fic-lovers.blogspot.com/
Skoob: http://www.skoob.com.br/livro/139590

Post original do blog Lua Escarlate - Série
Publicado dia 07/11/2011

4 comentários:

  1. Oi, Catalina. Muito legal sua resenha. Cheia de detalhes.
    O mérito de A Insígnia de Claymor parece estar na originalidade. Não do tema, mas da abordagem. Com certeza é um livro que vale a pena conferir.
    Abs.

    ResponderExcluir
  2. Ah, eu sou louca por essa resenha^^ a Cat lê os livros com o coração, por isso ficam tão perfeitas^^

    ResponderExcluir
  3. Caracas!!!!!!!!!!!

    Lendo essa resenha me deixa com uma vontade de bater na porta de Josy e comprar e depois lê...

    Adorei a sua resenha e agora com mais vontade de ter e ler o livro. Adoro!

    Beijos e sorte!

    =D

    ResponderExcluir
  4. Comecei a visitar o seu blog a pouco Catalina, e as suas resenhas... São ótimas, meus parabéns! Poucas pessoas absorvem história com esse nível, a maioria já inicia uma leitura cheias de preconceitos, ai já da para prever o resultado...

    Abraços.

    ResponderExcluir