segunda-feira, 9 de janeiro de 2012

(Resenha) Enigmas Urbanos


Sinopse: "O porão estava repleto de corpos esmagados e massacrados, corpos que sofreram com a dor da tortura e se transformaram em fantoches pavorosos para a diversão de um homem frio e doente. Eles não nos interessavam. Aqueles cadáveres só serviam para revelar do que ele era capaz."

Um thriller de linguagem objetiva e repleto de místério, aventura e MEDO.

Resenha:

Sabe aquele ditado "Os melhores perfumes vem nos menores frascos". Eu concordo e altero o ditado "Os melhores livros vem com menos páginas."

Já li dois livros finos "Escapismo" e "O Diário de Emily Christine" e ambos foram incríveis. Agora acrescento mais um a lista "Enigmas Urbanos" da autora Ana Lemos.
Com apenas 82 páginas o livro prende a sua atenção do começo ao fim.
Com três contos o livro te leva a um universo cheio de suspense.

No primeiro conto "O Enigma de Green Camp" amigos de faculdade saem para acampar num parque e encontram um psicopata, que coleciona partes dos corpos de suas vítimas. Ele transforma o porão de sua cabana numa vitrine macabra.

No segundo conto "O Enigma da Sinagoga Low" o assassinato de um adolescente acaba com a paz numa cidade pacata. Ao decorrer do conto suspeitos vão aparecendo, mais uma morte e uma seita sinistra completam a trama.

No terceiro conto "Crônica de um Monstro", não tem nada de assustador e sim, engraçado (Ao menos eu achei). Conta a história de uma garota e seu monstro do armário, que todas as noites se esconde embaixo da cama.
A rotina dos dois é interrompida com a visita da amiga da garota. Após assistirem a um filme, as duas meninas vão dormir e então o monstro aparece, mas por causa da intrusa, ele se assusta. E é aí que vem a parte engraçada. A garota se aproxima do monstro e o consola.
Ao terminar de ler o conto eu rolava de rir, pois lembrei quando um rato entrou na minha casa e assim que eu o vi, gritei. O rato se escondeu embaixo da cômoda e também gritou. Digo "gritou", porque ele fez um som estranho.

Outro fato interessante é que os contos são narrados em 1ª pessoa, mas o narrador não diz seu nome. Achei diferente. E o que é diferente sempre me agrada.
Recomendo o livro.

Onde Comprar: http://www.clubedeautores.com.br/book/11686--Enigmas_Urbanos

2 comentários:

  1. Oi Catalina!!!
    Seguindo seu blog :)
    Não conheço o livro e gostei bastante da resenha! Gosto muito de contos e se tiverem uma pitada de terror no meio, melhor ainda! rsrsrs
    Passa no meu blog? http://www.catalinaterrassa.blogspot.com
    Se gostar, segue :)
    Bjoo ;*

    ResponderExcluir
  2. Obrigada!
    Também estou seguindo o seus blogs e adicionei eles ao meu.
    Ah! e Não deixa de conferir as outras resenhas do blog.
    Tchau, beijos!

    ResponderExcluir