domingo, 18 de agosto de 2013

Uma Confissão da Autora

Vou fazer uma quebra do esquema Especial Vampire Academy e falar de algo que aconteceu nesta semana.

Pra quem não sabe lancei uma série nova chamada A Chave Mestra. O primeiro livro (Entorpecida) se encontra para leitura online no site Bookess e a venda no site Clube de Autores (Versão Impressa e e-book).

O mais engraçado é que nesta semana recebi vários e-mails e vendi duas cópias do livro lá no Clube de autores. (Fora as outras três da semana passada). Vocês devem estar pensando... “Só cinco cópias, que miséria!”. Mas pra mim, que sou autora independente é igual a vender mil cópias. Ainda mais o valor que o clube cobra, que é salgadinho.

Esse não é o detalhe mais curioso, e sim, o fato de a maioria dos leitores que já entraram em contato comigo gostarem de um personagem, que nem entraria na série.

Acreditem ou não, Ryan não entraria na série.
Nada contra o personagem, até porque logo que criei os personagens na minha cabeça, ele estava lá, mas por causa de algumas escolhas e gostos do personagem, ele acabou sendo cortado. (O Ryan não é gay... Até porque não consigo escrever livros com essa temática. Mas um dia, quando tiver mais experiência, quem sabe)

Por medo da reação de alguns leitores achei melhor jogá-lo na lixeira das ideias. O problema é que ele virou um fantasma, que sempre aparecia. Acho que ele queria dizer... “Estou aqui, olhe pra mim. Escreva sobre mim!”

Não liguei muito para a insistência e decidi começar a escrever o livro sem ele mesmo. Daí aconteceu uma coisa... Tudo que eu escrevia ficava uma titica. Era um festival de rasgar páginas e riscar frases com a caneta. Até que um belo dia, engoli meu medo e disse a mim mesma “Que se dane! Vou colocar o Ryan no livro”.


E agora estou vivendo um desses momentos curiosos, onde meus leitores se apegaram a um personagem que quase não existiu.


Se o Ryan fosse de carne e osso, seria mais ou menos assim. 

E mais uma vez... Muito obrigada pelos recados. =)

Um comentário:

  1. Puxa! Eu não sabia desse novo livro, mas quem sabe um dia leio.

    Boa sorte!

    ResponderExcluir